conteúdos
links
tags
Campus
No Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro
Festa da Francofonia 2018 assinala os 50 anos da revolução de Maio de 68
Festa da Francofonia 2018 assinala os 50 anos de Maio de 68
À semelhança dos últimos anos, o Departamento de Línguas e Culturas da Universidade de Aveiro vai participar na programação nacional e internacional da Festa da Francofonia e da Semana da Língua Francesa, com um programa que decorre na UA, entre 20 e 23 de março, sob o mote da revolução de Maio de 68.

Este ano, a escolha recaiu sobre um dos acontecimentos emblemáticos da história francesa recente, cujas repercussões se sentiram em vários países, incluindo Portugal – a revolução de Maio de 68. Eis a razão pela qual as celebrações, na UA, abrem a 20 de março, Dia Internacional da Francofonia, com uma palestra proferida pelo Dr. Celso Cruzeiro, advogado de renome da nossa cidade e um dos principais dirigentes da revolta estudantil conhecida como "crise académica de 1969", em Coimbra.

Celso Cruzeiro irá evocar a sua experiência pessoal relacionada com os eventos de Maio de 68, em particular no que diz respeito ao movimento estudantil português. A palestra, intitulada “Antes de Depois de Maio de 68”, tem início marcado para as 14h30, no Auditório José Grácio do Departamento de Engenharia Mecânica da UA.

No dia seguinte, dia 21 de março, o programa propõe mais um momento de destaque: um concerto de Cristal Baschet e canto sufi, intitulado Dounia, pela autora e compositora Karinn Helbert e o cantor sufi Ahmed Abdelhak El Kaâbe. Este concerto terá lugar no Teatro Aveirense, pelas 21h30. Com entrada livre, o evento é coorganizado pelo Institut Français du Portugal/Embaixada de França, o Departamento de Línguas e Culturas/Universidade de Aveiro e a Embaixada de Marrocos.

Completando a programação, uma aula aberta subordinada ao tema “Mai 68: 50 ans déjà!” está agendada para o dia 23 de março, pelas 15h00, no Departamento de Línguas e Culturas (DLC). Dirigida especificamente aos alunos dos vários cursos do DLC, esta aula procurará contextualizar e analisar este marco histórico, bem como as suas consequências em França e em Portugal, entre outros países.

Os alunos de Francês dos diversos cursos do DLC prepararam cartazes relativos a Maio de 68, que serão expostos durante toda a semana no DLC, participando, ainda, num concurso para a escolha do melhor cartaz do evento. O cartaz vencedor será utilizado para a divulgação da Festa da Francofonia na UA.

A Área de Estudos Franceses do Departamento de Línguas e Culturas prevê, ainda, um ateliê – Dis-moi dix mots –, baseado no concurso promovido anualmente pela Organização Internacional da Francofonia, em torno da criação de textos (no sentido lato das palavras, em vários suportes possíveis) que ilustrem uma ou várias das 10 palavras escolhidas todos os anos. Este ano, a temática subjacente à escolha de palavras é o próprio ato de falar. O ateliê terá lugar na quinta-feira 22 e na sexta-feira 23 de março, às 11h30.

A programação completa da Festa da Francofonia, a nível nacional, poderá ser consultada em http://fetedelafrancophonie.com/2018/

imprimir
tags
veja também
 
ficheiros associados
evento relacionado
 
outras notícias