conteúdos
links
tags
Conferências
A 17 de abril, na Sala de Atos da Reitoria da UA
Colóquio de Línguas e Relações Empresariais debate negócios com China, Rússia e Marrocos
Departamento de Línguas e Culturas promove debate sobre negócios com a China, Rússia e Marrocos
As relações culturais e empresariais entre Portugal e a República Popular da China, o Reino de Marrocos e a Federação da Rússia, onde são faladas línguas lecionadas no Mestrado em Línguas e Relações Empresariais (MLRE) da Universidade de Aveiro (UA), vão estar em destaque num colóquio internacional a 17 de abril, na Sala de Atos da Reitoria da UA.

“Línguas, Culturas e Negócios: Portugal e Mercados Emergentes” é o título da iniciativa promovida pela direção do MLRE, pelo Departamento de Línguas e Culturas (DLC), em colaboração com o Departamento de Economia, Gestão, Engenharia Industrial e Turismo (DEGEIT) e o Instituto Confúcio, também da UA.

O evento conta com a presença do Reitor da UA, do chefe de Gabinete do Secretário de Estado para a Internacionalização, de representantes da Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal (AICEP) e da Associação Industrial do Distrito de Aveiro (AIDA), bem como com uma assinalável participação de conselheiros culturais e de negócios das Embaixadas da República Popular da China, do Reino de Marrocos e da Federação da Rússia, cujos mercados emergentes são de inegável interesse para a economia portuguesa.

O MLRE é um curso universitário do 2.º ciclo de estudos, que podemos designar de “banda larga”, na medida em que integra unidades curriculares afetas às Línguas e Culturas, à Gestão, Economia Industrial e Marketing e às Novas Tecnologias da Comunicação (ver Plano de Estudos em http://www.ua.pt/dlc/course/121/?p=4), explica a diretora do curso, Ana Maria Ramalheira.

É precisamente no âmbito da formação circum-curricular dos alunos deste curso de mestrado, bem como dos de outros cursos que integram saberes e competências congéneres, que se organizam, desde há alguns anos, as Jornadas e o Ciclo de Conferências de Línguas e Relações Empresariais, afirma a professora do DLC. O colóquio internacional enquadra-se nesse conjunto de iniciativas a ser realizado ao longo do corrente ano, procurando dar a conhecer as relações culturais e os mercados emergentes associados às três línguas não europeias referidas, acrescenta ainda a professora.

O programa do colóquio pode ser consultado, em formato PDF, no menu à direita.

imprimir
tags
ficheiros associados
evento relacionado
 
outras notícias