conteúdos
links
tags
Distinções
Aplicação está disponível na Google PlayStore
Projeto da UA vencedor do prémio europeu ECIU Team Award for Innovation in Teaching and Learning
Lúcia Pombo e Margarida Marques vão receber o prémio no dia 14, em Hamburgo
O Projeto EduPARK é o vencedor do prestigiado prémio do European Consortium of Innovative Universities (ECIU), o ECIU Team Award for Innovation in Teaching and Learning. Lúcia Pombo, coordenadora do EduPARK, e Margarida M. Marques, bolseira de investigação do projeto, ambas investigadoras do Centro de Investigação em Didática e Tecnologia na Formação de Formadores (CIDTFF), receberão a 14 de novembro na Universidade de Tecnologia de Hamburgo, Alemanha, o prémio durante uma reunião do Conselho de Administração do ECIU.

Em maio deste ano, a candidatura do Projeto EduPARK foi selecionada pela Reitoria da Universidade de Aveiro para representar a Universidade no Team Award (https://www.eciu.org/the-eciu-team-award).

Após análise de todas as candidaturas, o júri do Team Award selecionou a candidatura do EduPARK como vencedora, tendo justificado a sua decisão nos seguintes argumentos:

a)    A equipa é constituída por vários peritos de diferentes disciplinas que trabalham em conjunto neste projeto, sendo multidisciplinar;

b)    A integração de Realidade Aumentada numa tecnologia do dia-a-dia, como o smartphone, é uma ideia muito inovadora;

c)    O projeto é um bom exemplo de como um objeto do quotidiano também pode ser usado como ferramenta educativa;

d)    O projeto constitui um excelente exemplo do que a ECIU pretende alcançar: desafiar o pensamento convencional acerca da educação.

Este prémio tem como objetivo promover, celebrar e divulgar projetos inovadores no ensino e aprendizagem desenvolvidos por grupos e/ou equipas interdisciplinares. O prémio é uma iniciativa dos membros do ECIU, que partilham um compromisso com a prática educacional de alta qualidade e desejam premiar e dar visibilidade a práticas exemplares que demonstram a inovação e que procuram a excelência pedagógica.

Envolvendo 15 investigadores da UA que integram três áreas principais: Educação, Biologia e Informática, o projeto EduPARK - Mobile Learning, Realidade Aumentada e Geocaching na Educação em Ciências - propõe estratégias originais e atrativas de aprendizagem interdisciplinar que conjugam práticas educativas com dispositivos móveis, em espaços verdes, no Parque Infante D. Pedro de Aveiro. A equipa criou uma aplicação interativa com realidade aumentada que inclui quatro jogos didáticos, três dedicados a níveis de ensino do primeiro ciclo ao superior e um quarto direcionado para turistas (em português e inglês). Para além dos jogos, é possível usar a aplicação em modo livre, explorando apenas os conteúdos em realidade aumentada.

O projeto é financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) e pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT), no âmbito do COMPETE 2020.

A aplicação está disponível para download, na Google PlayStore, gratuita para sistema operativo Android.

imprimir
tags
outras notícias