conteúdos
links
tags
Bolsas
Candidatura 15 a 26 de outubro de 2018
Bolsa de Investigação - Mestre (M/F) nº 3, Projeto UFA+EE, Unidade de Frio Autónomo e Eficiente
Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação para Mestre (nº 3), no âmbito do projeto de I&DT em Co-Promoção, intitulado “UFA+EE, Unidade de Frio Autónomo e Eficiente”, Projeto N.º 33755, co-financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (POCI),

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação para Mestre (nº 3), no âmbito do projeto de I&DT em Co-Promoção, intitulado “UFA+EE, Unidade de Frio Autónomo e Eficiente”, Projeto N.º 33755, co-financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (POCI), nas seguintes condições:

Área Científica: Engenharia Física ou áreas afins.

Requisitos de admissão obrigatórios, requisitos cumulativos e sob risco de exclusão:

  • Mestrado em Engenharia Física ou em áreas afins;

Requisitos preferenciais:

  • Bons conhecimentos científicos e técnicos e interesse na área das aplicações de células e sistemas fotovoltaicos;

  • Experiência na utilização de software comercial de modelação;

  • Dissertação de Mestrado em temas relevantes para as atividades indicadas;

  • Reunir requisitos académicos para desenvolver trabalho de doutoramento neste domínio;

  • Domínio escrito da língua inglesa.

Plano de trabalhos:

O plano de trabalhos consiste na participação nas Tarefas correspondentes ao perfil 18, nomeadamente T1.2 (Avaliação de tecnologias e de soluções tecnológicas e do seu estado de maturidade), T2.4 (Definição de metodologia para estimativas da energia solar disponível e produção elétrica PV para diferentes cenários geográficos), T3.1 (Identificação dos pontos críticos e benchmarking nos grupos funcionais onde atuar: isolamento, circuito termodinâmico, compressor e sistema de controlo, seleção de PCMs, painéis fotovoltaicos, etc...), T3.3 (Dimensionamento do sistema PV e estudo da sua integração com o sistema de controlo da arca frigorifica), T3.5 (Instalação laboratorial de ensaio e teste de painéis PV e de materiais de construção, incluindo PCM), T4.1 (Conceção e projeto do protótipo - componente mecânica e componente térmica - bem como das componentes fotovoltaica, elétrica e de controlo e de comunicação a incluir no protótipo), T4.4 (Simulação dinâmica do sistema completo, incluindo: carga e perfil de utilização, solução tecnológica adotada, disponibilidade de energia renovável, disponibilidade de rede elétrica, tarifário elétrico e validação das estimativas de produção de energia elétrica solar com medidas laboratoriais), T5.3 (Construção de um protótipo de arca frigorífica com controlo inteligente compatível com smartgrids e produção elétrica distribuída, com regulação inteligente dos períodos de carga, inércia e descarga de PCMs para utilização racional de tarifários mais económicos) e T7.3 (Divulgação de resultados em artigos científicos e congressos internacionais).  

Local de trabalho:

O trabalho será maioritariamente desenvolvido nos Departamentos de Física e de Engenharia Mecânica da Universidade de Aveiro, podendo alguns trabalhos decorrer nas instalações da Tensai Indústria SA, sob a orientação científica dos Professores António Ferreira da Cunha e Fernando José Neto da Silva.

Duração da bolsa e Regime de Atividade:

A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em novembro de 2018, em regime de exclusividade, eventualmente renovável até ao limite do prazo de execução do projeto.

Valor do subsídio de manutenção mensal:

O montante mensal da bolsa corresponde a 980,00EUR, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores). O pagamento será efetuado através de depósito bancário, cheque ou outra modalidade equivalente.

Métodos de seleção:

Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes:

A.- Avaliação curricular – com valoração de 100%, que será realizada de acordo com os seguintes critérios:

  • Currículo académico em área adequada, em conformidade com os requisitos de admissão (40%);

  • Currículo técnico-científico e experiência comprovada nas temáticas indicadas como condições preferenciais (40%);

  • Currículo técnico-científico e experiência comprovada em outras áreas relevantes para o desenvolvimento do programa de trabalhos (20%)

Se necessário para comprovar o mérito dos candidatos realizar-se-á uma Entrevista aos três melhores classificados no âmbito da Avaliação Curricular.

B.- Entrevista que avaliará cada candidato admitido, nos seguintes domínios:

  • Conhecimentos específicos relevantes para a execução do plano de trabalhos a desenvolver (60%);

  • Capacidade de comunicação e de relacionamento interpessoal (20%);

  • Domínio oral da língua portuguesa e inglesa (20%).

Caso não seja realizada a Entrevista, a avaliação final será correspondente somente à Avaliação curricular.

Caso seja realizada a Entrevista, a avaliação final será executada de acordo a seguinte ponderação:

  • 70% Avaliação curricular;

  • 30% Entrevista.

O concurso será encerrado se nenhum dos candidatos se revelar adequado.

Composição do Júri de Seleção:

Presidente do júri: Doutor António Ferreira da Cunha, Professor Auxiliar c/ Agregação da Universidade de Aveiro. Vogais: Doutor Fernando José Neto da Silva, Professor Auxiliar da Universidade de Aveiro e Doutor Nelson Amadeu Dias Martins, Professor Auxiliar da Universidade de Aveiro.

Forma de publicitação/notificação dos resultados:

Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados através de e-mail.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas:

O concurso encontra-se aberto, para apresentação de candidaturas, no período de 15 a 26 de outubro de 2018.

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio de carta/e-mail de candidatura, acompanhada dos seguintes documentos:

  • Curriculum Vitae detalhado, datado e assinado;
  • Cópia do documento de identificação ou Passaporte ou declaração, sobre honra, dos elementos que constam dos mesmos;

  • Cópia simples do(s) Certificado(s) de Habilitações;

  • Outros elementos relevantes.

As candidaturas, dirigidas ao Presidente do Júri, devem ser enviadas, obrigatoriamente, através de correio eletrónico para o endereço dem.bolsas@ua.pt, com Cc para antonio.cunha@ua.pt, com indicação da referência do projeto no assunto, da seguinte forma: “UA – Projeto UFA+EE, Unidade de Frio Autónomo e Eficiente - Projeto 33755” – Bolseiro Investigação (BI) n.º 3 e acompanhada dos documentos referidos anteriormente.

Legislação e regulamentação aplicável: Lei Nº. 40/2004, de 18 de agosto, alterada pelo Decreto-Lei n.º 202/2012, de 27 de agosto, e alterado pelo Decreto-Lei nº 233/2012, de 29 de outubro e pela Lei nº 12/2013, de 29 de janeiro e pelo Decreto-Lei nº 89/2013, de 09 de julho (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia, em vigor (www.fct.pt/apoios/bolsas/docs/RegulamentoBolsasFCT2015.pdf); e Regulamento de Bolsas de Investigação Científica da Universidade de Aveiro – Regulamento n.º 341/2011, publicado em Diário da República, 2ª série, n.º 98, de 20 de Maio.

imprimir
tags
outras notícias