conteúdos
links
tags
Entrevistas
Professor UA – Joaquim Marques, Instituto Superior de Contabilidade e Administração da Universidade de Aveiro
“No Marketing, ser curioso é fator crítico de sucesso”
Joaquim Marques
Há três palavras de ordem que os estudantes de Marketing não se cansam de ouvir: “Conhecer, adaptar, influenciar”. Joaquim Marques, especialista em Marketing e Publicidade do Instituto Superior de Contabilidade e Administração da Universidade de Aveiro (ISCA-UA), é um dos professores que ajudam a preparar hoje os marketeers que amanhã vão ser os agentes de mudança nas organizações.

Docente desde do ano letivo 1992/1993, lecionando sempre na área científica do Marketing no ensino superior privado, desde 2015/2016 Joaquim Marques está ao serviço do ISCA-UA. É licenciado em Gestão de Marketing, pós-graduado em Marketing de Serviços e doutorando na Universidad Complutense de Madrid em Ciências Empresariais.

Qual é o segredo para se ser bom professor?  

Existem características transversais, como as competências científicas e técnicas, a organização ou a capacidade de comunicação. Cada um tem a sua forma própria de estar. No entanto, o seu contributo para o desenvolvimento, quer científico quer social, do aluno deve ser o seu mote, associado ao seu envolvimento, dedicação e entusiasmo naquilo que faz.

O que mais o fascina no ensino?

Sendo o processo de aprendizagem contínuo, o que mais me fascina é o facto de poder partilhar ao longo dos anos as minhas experiências, receber a partilha das experiências dos alunos e contribuir para o seu desenvolvimento. É uma sensação indescritível o poder, mesmo que de forma indelével, contribuir para o enriquecimento dos alunos que vamos encontrando ao longo dos anos. O poder contribuir para a sua curiosidade

Como qualifica a formação que é dada aos estudantes no ISCA na área do Marketing?

É mesmo top! Felizmente temos um quadro de docentes devidamente preparados e conhecedores que proporcionam aos nossos alunos um conjunto alargado de saber, preparando-os convenientemente para a vida profissional.

Que grande conselho dá aos alunos?

Sejam curiosos, procurem constantemente o conhecimento dos temas a trabalhar. Nesta área em particular, do Marketing, o ser curioso é fator crítico de sucesso. Quem é o cliente? O que quer? Porque quer? Quando, onde quer? E por quanto quer? Estas são questões a serem respondidas de forma constante, pois o cliente está em constante mudança. No fundo, que assumam a atitude de marketing: Conhecer, Adaptar, Influenciar.

Houve alguma turma que mais o tivesse marcado? Porquê?

Ao longo destes anos houve muitos alunos que me marcaram de forma muito positiva, pelo percurso que realizaram, pelas conquistas conseguidas ou mesmo pelas pequenas coisas da vida que construíram. Não consigo destacar nenhum em particular, pois como disse, foram muitos.

Pode contar-nos um episódio curioso que se tenha passado em contexto de sala de aula ou com estudantes?

Lembro-me de numa determinada aula estar a transmitir as avaliações de um teste, tendo destacado uma aluna em particular, como exemplo, dada a qualidade da sua redação, a escrita estava impecável, a sua gramática era impecável, quando um dos alunos diz: pudera ela é professora de português. Foi quando descobri que a aluna era filha de um proprietário de um estabelecimento de ensino e frequentava o curso de Marketing, pois queria desenvolver competências nesta área.

descrição para leitores de ecrã
Ser professor: “É uma sensação indescritível o poder, mesmo que de forma indelével, contribuir para o enriquecimento dos alunos”

Traço principal do seu carácter

Curioso, resiliente

Ocupação preferida nos tempos livres

Leitura, música, praia.

O que não dispensa no dia-a-dia

A ligação ao mundo.

O desejo que ainda está por realizar

Ser avô (talvez um dia).

imprimir
tags
outras notícias