conteúdos
links
tags
Bolsas
Candidaturas de 6 a 17 de março
Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia no âmbito do Instituto de Biomedicina da Universidade de Aveiro
Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Gestão de Ciência e Tecnologia no âmbito do Instituto de Biomedicina da Universidade de Aveiro (iBiMED), referência UID/BIM/04501, cofinanciado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia I.P. (PIDDAC) e pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER), referência POCI-01-0145-FEDER-007628, através do COMPETE 2020 – Programa Operacional Competitividade e Internacionalização nas seguintes condições

Área Científica: Ciências Biomédicas

Requisitos de admissão: São requisitos obrigatórios de admissão: Licenciatura em ciências biomédicas, médicas e afins, nomeadamente biologia, bioquímica, biotecnologia, biofísica ou engenharia biomédica; experiência em microscopia de fluorescência; bons conhecimentos da Língua Inglesa.

Plano de trabalhos: O bolseiro desenvolverá trabalho em conformidade com o Projeto Estratégico de Investigação do iBiMED, no qual dará apoio à gestão e desenvolvimento da Unidade de Microscopia ótica avançada (www.ua.pt/ibimed), à execução de protocolos laboratoriais de microscopia ótica, desenvolvimento de técnicas avançadas de microscopia; formação de jovens investigadores em microscopia ótica; gestão e manutenção de microscópios óticos e outro equipamento avançado de microscopia.

Legislação e regulamentação aplicável: Lei nº. 40/2004, de 18 de Agosto (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica); Regulamento de Bolsas de Investigação da FCT, I. P. aprovado pelo Regulamento nº 234/2012, de 25 de junho, alterado pelo Regulamento nº 326/2013, de 27 de agosto de 2013, e o Regulamento de Bolsas de Investigação Científica da Universidade de Aveiro – Regulamento n.º 341/2011, publicado em Diário da República, 2ª série, n.º 98, de 20 de Maio.

Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido na Unidade de Microscopia ótica avançada do Instituto de Biomedicina da Universidade de Aveiro, sob a orientação do Professor Doutor Manuel Santos e da  Professora Doutora Sandra I. M. P. Vieira.

Duração da bolsa: A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em Abril de 2017, eventualmente renovável até ao limite do prazo de execução do projeto.

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa será conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://alfa.fct.mctes.pt/apoios/bolsas/valores). A periodicidade de pagamento da bolsa é mensal e através de depósito bancário, cheque ou outra modalidade equivalente.

Métodos de seleção: Os métodos de seleção a utilizar incidirão na avaliação curricular, com especial incidência (valoração de 60% na nota final) nas habilitações académicas, formação e experiência profissionais nas áreas e técnicas em que se inserem as funções a desempenhar, incluindo: experiência em microscopia de fluorescência, de preferência em microscopia confocal. Serão ainda atribuídas valorações extra no requisito de admissão ‘avaliação curricular’ aos candidatos que detenham cursos de pós-graduação com bom aproveitamento, curso em microscopia confocal e suas técnicas avançadas, e experiência em gestão de ciência e tecnologia. Os cinco candidatos melhor posicionados serão selecionados para entrevista (valoração de 40%).

Composição do Júri de Seleção: Presidente do júri: Manuel António da Silva Santos, Professor Associado da Universidade de Aveiro; Vogais efetivos: Sandra Isabel Moreira Pinto Vieira, Professora Auxiliar Convidada; Daniela Maria Oliveira Gandra Ribeiro, Professora Auxiliar Convidada, ambas da Universidade de Aveiro.

Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os candidatos serão seriados através de lista ordenada por nota final obtida, e notificados dos resultados por correio electrónico, num prazo máximo de 20 dias úteis a contar do último dia de recepção das candidaturas.

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: O concurso encontra-se aberto no período de 6 a 17 de março.

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio de carta de candidatura para através do envio de correio electrónico para Dr. Anabela Mouro (email: anabela.mouro@ua.pt) com a referência BGCT-M/iBiMED-2017. A carta de candidatura deverá vir acompanhada dos seguintes documentos: Curriculum Vitae, certificado de habilitações, uma carta de recomendação, e outros documentos pertinentes para a apreciação da candidatura.

imprimir
tags
outras notícias