conteúdos
links
tags
Campus
Faleceu aluno de Engenharia Mecânica impulsionador do projeto da UA na MotoStudent
Com o Pedro tudo era fácil, o seu descomplicador tudo resolvia
Pedro viveu pouco tempo, mas teve o suficiente para fazer um grande trabalho na Universidade de Aveiro
Pedro Miguel Azevedo Ferreira da Silva, aluno do Mestrado Integrado em Engenharia Mecânica da Universidade de Aveiro, faleceu. Pedro Silva foi o porta-voz e impulsionador da equipa da UA presente na competição MotoStudent deste ano, no circuito MortorLand de Aragão, Espanha. Com o seu empenho, Pedro muito contribuiu para que se concretizasse o que parecia impossível. António Bastos, professor do Departamento de Engenharia Mecânica e coordenador do projeto MotoStudent, conta como.

O Pedro Silva era um jovem extraordinário.

Há cerca de um ano, o Pedro tornou-se líder da equipa do projeto MotoStudent. Na altura eu disse-lhe que a nova equipa estava reunida mas agora era imprescindível encontrar formas de financiar a efetiva construção de uma mota “real” – no papel é sempre muito fácil.

Lembro-me de, passado pouco tempo, ele me ter chegado com uma lista de vários financiadores que nele acreditaram, sendo um deles a Fundação do Desporto.

É impressionante a forma tão fácil como ele resolveu o aparentemente inultrapassável problema da falta de dinheiro.

Pelo meio deste projeto, o inesgotável Pedro, além das disciplinas para as quais tinha de estudar e do emprego – sim, ele era trabalhador estudante -, ainda teve tempo para colaborar no projeto “OLA – Universidades”.

Com o Pedro tudo era fácil; o descomplicador ligado tudo resolvia. A equipa Motochanics-Universidade de Aveiro construiu, mesmo, de raiz, uma mota e concorreu na IV Competição Internacional MotoStudent no passado mês de outubro, em Espanha.

A autonomia do Pedro era extraordinária: foi de sua iniciativa encontrar um novo acordo com os anteriores patrocinadores com quem já tinha novos desafios traçados.

O Pedro viveu pouco tempo. Mas teve tempo para fazer um grande trabalho na Universidade de Aveiro. É muito triste esta partida tão precoce…

 

António Bastos

Professor do Departamento de Engenharia Mecânica da UA

(As cerimónias fúnebres decorreram a 15 de novembro, pelas 15h30, na Casa Mortuária de São Mamede do Coronado, Trofa)

imprimir enviar a um amigo
tags
outras notícias