conteúdos
links
tags
Distinções
João Veloso inicia mandato de dois anos
Investigador da UA coordena parceria internacional do CERN
João Veloso foi eleito coordenador do RD51 do CERN
João Veloso, investigador do laboratório associado I3N e professor do Departamento de Física da Universidade de Aveiro (UA), assumiu, em janeiro de 2016, o cargo de presidente eleito do "Collaboration Board" do CERN – RD51-, parceria internacional para desenvolver tecnologias para detetores gasosos de radiação microestruturados. Trata-se de um mandato de dois anos.

A RD51 -  Micropattern Gaseous Detectors Technologies conta com cerca de 95 instituições de excelência internacional e com cerca de 500 cientistas de todo o mundo.

Esta colaboração tem contribuído fortemente para as últimas descobertas em física de partículas, através do desenvolvimento de soluções de detetores inovadores com caraterísticas únicas de desempenho.

A UA, como membro fundador da colaboração CERN - RD51, tem contribuído de forma significativa para os avanços alcançados pela colaboração, através dos contributos do grupo Deteção da Radiação e Imagiologia Médica (DRIM), do I3N-Aveiro e do Departamento de Física, grupo liderado por João Veloso. O grupo, genericamente, dedica-se ao desenvolvimento de novos conceitos de detetores de radiação microestruturados para diversos tipos de aplicação, bem como ao desenvolvimento de sistemas para imagiologia médica.

Uma das colaborações do DRIM com o CERN decorre no âmbito da experiência Common Muon and Proton Apparatus for Structure and Spectroscopy (COMPASS) (http://home.cern/about/experiments/compass) em que a equipa da UA contribuiu significativamente para o desenvolvimento do upgrade de um dos detetores essenciais da experiência, o detetor RICH1, um dos componentes de uma linha de dispositivos para estudar as propriedades das partículas. A instalação deste upgrade deverá começar no próximo ano, no CERN, e destina-se à identificação de partículas usando um detetor de grande resolução baseado na radiação de Cherenkov que as partículas emitem quando ultrapassam a velocidade da luz num meio.

imprimir
tags
outras notícias