conteúdos
links
tags
Cultura
A 15 de dezembro, às 21h30
Helena Caspurro e Isabel Alcobia no Concerto de Natal da Orquestra Filarmonia das Beiras
Orquestra Filarmonia das Beiras
Para assinalar a quadra natalícia e o 41º aniversário da Universidade de Aveiro (UA), a Orquestra Filarmonia das Beiras preparou um concerto com canções de diversas origens e estilos alusivos à época natalícia que vai contar com a participação das cantoras Isabel Alcobia e Helena Caspurro. O concerto, dirigido pelo maestro António Vassalo Lourenço, realiza-se na Sé de Aveiro, dia 15 de dezembro, às 21h30.

Programa:

  • Away in a Manger (Tradicional de Natal) - Arr. Steve Cohen
  • O Holy Night - Adolphe Adam (Arr. Willian Ryden)
  • Panis Angelicus - César Franck
  • Sleigh Ride - Leroy Anderson
  • The Christmas Song – Mel Torme e Robert Wells  (Arr. Luís Trigo)
  • White Christmas - Irving Belin (Arr. John Moss)
  • Have Yourself a Merry Little Christmas – Hugh Martin e Ralph Blane (Arr. Luís Trigo)
  • Winter Wonderland - Felix Bernard (Arr. Calvin Custer)
  • Santa Claus Is Coming To Town  - J. Fred Coots e Haven Gillespie (Arr. Luís Cardoso)
  • Let it Snow! - Sammy Cahn e Jule Styne (Arr. Luís Cardoso)
  • Noite Feliz (Tradicional de Natal) - Arr. Luís Cardoso
  • We Wish You a Merry Christmas (Tradicional de Natal) - Arr. Steve Cohen

Helena Caspurro 

Pianista, natural do Porto. Deixa ‘estragar’ a sua formação clássica de raiz pelos meandros do jazz, tornando-se numa das poucas mulheres portuguesas com trabalhos de originais inspirados naquelas sonoridades. O tema da improvisação na aprendizagem, ao qual dedicou a sua dissertação de doutoramento (2006), é um dos objetos de eleição na orientação dos assuntos que desenvolve enquanto professora. Artisticamente, gosta de (re)inventar e (re)criar num género que caracteriza ironicamente como "piano acompanhado", usando a voz para a dupla. É docente no Departamento de Comunicação e Arte (DeCA) da UA. Para além de "Paluí", o seu terceiro CD de originais editado em 2013, editou, a solo, “Mulher Avestruz” (2003), e “Colapsopira” (2009). 

Isabel Alcobia

Iniciou os seus estudos de canto no Conservatório Nacional de Música de Lisboa. Diplomou-se na Escola Superior de Canto de Madrid e concluiu o mestrado na Universidade de Cincinnati (EUA). Frequentou diversos cursos de aperfeiçoamento e interpretação. Desenvolve intensa atividade solística, tendo participado em diversos espetáculos em Portugal e no estrangeiro, tais como as óperas Amor de Perdição, Auto Del Lirio y de la Azucena, Naufrágios e Milagres, Orfeo, A Flauta Mágica, O Morcego, La Bohème, O Elixir do Amor, D. Pasquale, Romeu e Julieta, Rigoletto e Floresta. Obteve também diversos prémios em concursos de canto. Atuou no Coliseu do Porto ao lado de José Carreras. No campo da pedagogia, tem realizado várias master classes a convite de universidades e conservatórios portugueses. É, desde 1998, docente do DeCA da UA.

António Vassalo Lourenço

A sua carreira como maestro iniciou-se no Coro Regina Coeli, do qual foi diretor artístico e maestro titular entre 1983 e 2006; frequentou cursos de direção coral e de direção de orquestra em vários países; foi maestro adjunto da Orquestra da Juventude Musical Portuguesa e assistente de direção da Concert Orchestra de Cincinnati. Dirigiu diversas orquestras e coros em vários países; foi diretor artístico do Festival Internacional de Música de Aveiro entre 2000 e 2004 e coordenador artístico da Orquestra Sinfónica Portuguesa e do Coro do Teatro Nacional de S. Carlos entre 2002 e 2003. Em 2006 criou o Estúdio de Ópera de Centro, projeto de atividade formativa e que tem realizado por todo o país produções de ópera. Atualmente é diretor do DeCA da UA.

Orquestra Filarmonia das Beiras

Foi criada em 1997 no âmbito de um programa governamental para a constituição de uma rede de orquestras regionais e tem como fundadores diversas instituições da região das beiras, entre elas a UA. É composta por 23 músicos de cordas de diversas nacionalidades e com uma média etária jovem e, desde 1999, é dirigida pelo maestro António Vassalo Lourenço. Norteada por princípios de promoção e desenvolvimento da cultura musical, através de ações de captação, formação e fidelização de públicos e de apoio na formação profissionalizante de jovens músicos, democratizando e descentralizando a oferta cultural, a Orquestra tem dado inúmeros concertos, além de desenvolver frequentes e constantes atividades pedagógicas.

imprimir
tags
evento relacionado
 
outras notícias