conteúdos
links
tags
Campus
Resultado de uma parceria entre a UA, a Câmara Municipal de Ílhavo e a Administração do Porto de Aveiro
ECOMARE vai ter centro de pesquisa e unidade de recuperação
ECOMARE: esquisso do autor do projeto, Joaquim Oliveira
Em dezembro de 2014, se tudo correr como previsto, será concluído o ECOMARE, um novo centro de investigação e transferência de tecnologia dedicado às questões do mar, com condução científica da Universidade de Aveiro e da Sociedade Portuguesa de Vida Selvagem. Constituído por duas unidades, o Centro de Extensão e de Pesquisa Ambiental e Marinha (CEPAM) e a Unidade de Pesquisa e Recuperação de Animais Marinhos (UPRAM), irá estar localizado entre o Porto de Pesca Costeira/Lota e o Jardim Oudinot, em Ílhavo.

Resultado de uma parceria entre a Câmara Municipal de Ílhavo, a Universidade de Aveiro (UA) e a Administração do Porto de Aveiro (APA), este projeto funciona como um laboratório de espécies marinhas e uma unidade veterinária para tratamento animais marinhos, identificando-se como uma mais valia para a Universidade e como impulsionador do dinamismo económico da região. Pretende ainda desenvolver a prestação de serviços de I&DT+I e transferência de tecnologia a empresas e organizações governamentais e internacionais, no âmbito do mar, com vista ao aproveitamento sustentável dos recursos marinhos.

Em julho de 2009, a Universidade de Aveiro apresentou o ECOMARE a concurso no âmbito do Sistema de Apoio a Infraestruturas Científicas e Tecnológicas do Programa Operacional Regional do Centro (SAICT), sendo o projeto aprovado.

O ECOMARE será composto pelo Centro de Extensão e de Pesquisa Ambiental e Marinha (CEPAM), a Unidade de Pesquisa e Recuperação de Animais Marinhos (UPRAM) e uma biblioteca de organismos vivos (Biblioteca de Invertebrados Marinhos e Simbiontes Microbianos), com tanques que recriarão as condições de vida naturais e que permitirão um estudo continuado dos organismos vivos.

imprimir
tags
veja também
 
outras notícias