conteúdos
links
tags
Desporto
Todas as terças e quintas-feiras, entre as 20h30 e as 22h00, no Pavilhão Aristides Hall
Capoeira na UA: basta aparecer e a beleza vem com o treino
Sessão de Capoeira no Pavilhão Aristides Hall
É uma luta disfarçada de dança. Nascida no Brasil colonial, a Capoeira tem na sua essência a cultura, os sons, os gestos, a alegria e a magia dos escravos negros. No meio do ambiente opressor das senzalas, ao som ritmado dos atabaques e berimbaus, de gestos fluidos que se confundiam com a dança dos negros, a Capoeira parecia inofensiva aos olhos dos esclavagistas e, por isso, permitida. Com o tempo, foi-se adaptando e conciliando toda a história e tradição com a organização necessária a uma modalidade desportiva, com escalões e graduações. Hoje, também na Universidade de Aveiro (UA) se pode praticar um deporto que se expandiu nas últimas décadas por todo o globo.

O Núcleo de Capoeira da Associação Académica da Universidade de Aveiro (AAUAv) foi criado em 1999 e está integrado na Associação de Capoeira Lagoa da Saudade, fundada em 1987 pelo Mestre Barão José Cláudio dos Santos, em São Paulo (Brasil). O Mestre Barão, que se iniciou na capoeira em 1978 no grupo Associação Santista de Capoeira Areia Branca, está na UA todas as quintas-feiras naquela que é uma oportunidade única de treinar com um especialista com mais de 30 anos de história.

O Núcleo, para além das quintas-feiras, treina igualmente às terças, no Pavilhão Aristides Hall, sempre das 20h30 às 22h00. “Todos são bem-vindos. Ao contrário do que se pode pensar ao ver os mais experientes jogar, não é preciso ser especialmente forte, especialmente flexível, especialmente atlético ou saber tocar os instrumentos”, diz Ana Machado, coordenadora do Núcleo. “Só é preciso estar disposto a experimentar uma atividade nova”, desafia. Tudo o resto vem com o treino: a flexibilidade, a força, a resistência, a capacidade de realizar golpes bonitos e certeiros, a familiaridade com os instrumentos, com a música e com a cultura da Capoeira.

Recorde-se que em 2008, o Núcleo de Capoeira da AAUAv organizou o Workshop Internacional de Capoeira na academia, com a presença de vários mestres vindos do Brasil e a participação de capoeiristas dos diferentes grupos presentes em Portugal. O grupo espera, em 2015, repetir o evento.

Ao longo do ano o Núcleo desdobra-se em workshops, presenças em saraus académicos, apresentações em semanas académicas e em escolas por todo o país de forma a difundir uma modalidade desportiva que há centenas de anos ajuda a derrubar barreiras sociais.

imprimir
tags
outras notícias