conteúdos
links
tags
Campus
Evento para “universitários” mais jovens decorre de 7 a 12 e de 14 a 19 de julho
Academia de Verão: mais programas do 7º ao 9º ano e um dia para viver a UA
Academia de Verão 2019 terá maior número de programas e mais parcerias autárquicas
Isabela Quadrado e Joana Araújo, alunas do 12º e 11º anos de escolaridade na ilha de Santa Maria, Açores, regressam à Academia de Verão da Universidade de Aveiro, com apoio do município local. Podiam ter recebido o dinheiro correspondente ao prémio escolar, mas preferiam regressar, percorrendo mais de 1400 quilómetros de avião, tendo em conta a experiência do ano passado e os amigos que fizeram. A 14ª edição da Academia de Verão, de 7 a 12 e de 14 a 19 de julho, terá mais programas do 7º ao 9º ano de escolaridade e um dia dedicado ao “Viver a UA”.

“É um investimento com retorno; os nossos jovens têm aproveitado bem”, considera Ezequiel Araújo, vice-presidente da Câmara Municipal de Vila do Porto, Santa Maria, tendo em conta o que ganham em experiência, convivendo com outros jovens e aproximando-se da vida académica e de conteúdos científicos lecionados no ensino superior, facilitando escolhas futuras. Com este apoio, a Câmara Municipal pretende reconhecer o mérito dos melhores alunos do 10º, 11º e 12º anos de escolaridade no município.

Atualmente, serão perto de uma dezena os membros desta comunidade de 5400 habitantes a estudar na Universidade de Aveiro (UA), alguns deles terão participado em várias edições da Academia de Verão, afirma o autarca com o pelouro da Educação no seu município. Este ano, uma vez mais, a autarquia é parceria da UA nesta iniciativa.

Em 2019 apoia quatro jovens, na sua deslocação ao continente e na inscrição. Tanto os alunos, como os pais, são unânimes em elogiar a experiência da participação nesta iniciativa da UA, salienta Ezequiel Araújo.

Academia Solidária apoia Nariz Vermelho

Na Academia de Verão de 2019 estão inscritos 460 alunos, sendo 298 do ensino secundário e 162 do 5º ao 9º ano de escolaridade. O programa inclui agora, a meio de cada uma das semanas, um dia de atividades lúdicas dedicadas a experienciar como é viver na UA. Assim, são dois os programas para alunos do 5º e 6º anos, sete para alunos do 7º ao 9º ano e 17 para os jovens do 10º ao 12º ano de escolaridade.

Para além do aumento do número de programas, aumentou também (em três) o número de autarquias parceiras. Juntam-se, assim, as câmaras municipais de Estarreja, Oliveira de Azeméis e Vila Velha de Ródão.

A iniciativa paralela Academia Solidária, dedicar-se-á, nesta edição, a reunir fundos para doar à Operação Nariz Vermelho, https://www.narizvermelho.pt/. Basta comprar, juntos da equipa organizadora da Academia de Verão, os caraterísticos narizes vermelhos a troco de dois euros.

Cientista do MIT fala sobre inteligência artificial

A conferência com um cientista de renome em parceria com o American Corner Portugal (programa da Embaixada dos EUA em Lisboa), este ano, decorre a 12 de julho, às 16h00, no auditório Renato Araújo (Reitoria). A convidada é Catherine Havasi, especialista em inteligência artificial no Media Lab do Massachusetts Institute of Technology (MIT), EUA, e a sessão intitula-se “An introduction to practical natural language processing”.

Catherine Havasi é também CEO da Luminoso, empresa que usa inteligência artificial, processamento de linguagem natural e “machine learning” para analisar dados não estruturados, como transcrições de “chat”, avaliação de produtos e respostas abertas em inquéritos e em mensagens de e-mail.

imprimir
tags
evento relacionado
 
outras notícias