conteúdos
links
tags
Bolsas
Candidaturas abertas até 28 de junho de 2019
Bolsa de Investigação para Mestre em área de Engenharia do Ambiente
Encontra-se aberto concurso para a atribuição de uma Bolsa de Investigação Mestre (Perfil BIM 7), no âmbito do Projeto em Copromoção I&D Empresas intitulado “INPACTUS – Produtos e Tecnologias Inovadores a partir do Eucalipto” projeto n.º 21874 (POCI-01-0247-FEDER-021874), financiado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização (POCI), nas seguintes condições:

Área Científica: Engenharia do Ambiente

 

Requisitos de admissão obrigatórios (requisitos cumulativos e sob risco de exclusão):

  • • Mestrado em Engenharia do Ambiente;
  • • Classificação mínima de 15 valores;                                                                                                        
  • • Experiência comprovada em processos de conversão termoquímica de biomassa para energia e produtos orgânicos, nomeadamente gasificação.
  • • Formação complementar área de biorrefinaria.

 

 

Requisitos preferenciais:

  • • Competências na caracterização termoquímica de biomassa e resíduos para processos de conversão termoquímica;
  • • Competências no desenvolvimento e aplicação de metodologias e instrumentação dedicadas ao controlo, operação e monitorização de sistemas reativos em leitos fluidizados, nomeadamente em gasificação;
  • • Competências no desenvolvimento e aplicação de metodologias e instrumentação dedicadas a amostragem, processamento e caracterização de gases em processos de conversão termoquímica de combustíveis sólidos, nomeadamente gasificação;
  • • Competências científicas no domínio da termodinâmica e cinética de reações em processos de conversão termoquímica de combustíveis, nomeadamente gasificação;
  • • Domínio falado e escrito da língua portuguesa e inglesa;
  • • Bom relacionamento interpessoal, capacidade de comunicação, espírito de equipa e atuação pró-ativa.

 

Plano de trabalhos:

• Seleção, processamento e caracterização físico-química de biomassa e resíduos para utilização em processos de gasificação;

• Desenvolvimento e otimização de uma instalação de leito fluidizado à escala de bancada para testes de gasificação com biomassa residual florestal com diferentes agentes de gasificação, tendo em vista o upgrade o gás produto;

• Adaptação, manutenção e operacionalização de uma instalação de leito fluidizado à escala piloto para testes de gasificação de biomassa. Demonstração da tecnologia de gasificação na instalação com reator de leito fluidizado à escala piloto;

• Avaliação do efeito de diferentes condições operatórias sobre o desempenho do processo de gasificação e qualidade do gás produto, e definição de condições adequadas de operação;

• Desenvolvimento de medidas primárias e secundárias, incluindo catalisadores de baixo custo e novos catalisadores com composição/estrutura/microestrutura ajustadas, para destruir alcatrões e melhorar as características do gás produto;

• Reunir e integrar informação de suporte a estudos de pré-viabilidade técnico-económica do processo de gasificação de biomassa que possa determinar o potencial de utilização no contexto Português.

 

Orientação Científica: Professor Doutor Luís António da Cruz Tarelho e Professor Doutor Manuel Arlindo Amador de Matos.

 

Local de trabalho: O trabalho será desenvolvido no Departamento de Ambiente e Ordenamento, da Universidade de Aveiro e Parque de Ciência e Inovação. Inclui deslocações a instalações da empresa coordenadora do consórcio do projeto, The Navigator Company.

 

Duração da bolsa: A bolsa terá a duração de 12 meses, com início previsto em agosto de 2019. O contrato de bolsa poderá ser renovado até um máximo de 20 meses adicionais.

 

Valor do subsídio de manutenção mensal: O montante da bolsa corresponde a 989,70 €/mês, conforme tabela de valores das bolsas atribuídas diretamente pela FCT, I.P. no País (http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores).

 

Métodos de seleção: Os métodos de seleção a utilizar serão os seguintes:

1. Avaliação curricular – com valoração de 100 %;

A Avaliação curricular será realizada de acordo com os seguintes critérios:

• Habilitações académicas (65 %);

• Experiência relevante no âmbito do perfil indicado (35 %).

Caso o júri não se considere apto a decidir utilizando o método de Avaliação curricular, poderá optar por realizar Entrevista aos três primeiros candidatos admitidos após Avaliação curricular, sendo que, neste caso, a valoração percentual da Avaliação curricular será 60 % e da Entrevista será 40 %.

O júri reserva-se o direito de não selecionar qualquer candidato, se concordar que nenhum dos candidatos possui o perfil exigido.

 

Composição do Júri de Seleção:

Presidente: Prof. Doutor Luís António da Cruz Tarelho, Professor Associado da Universidade de Aveiro;

Vogais efetivos: Prof. Doutor Manuel Arlindo Amador de Matos, Professor Auxiliar da Universidade de Aveiro e Profª Doutora Maria Isabel da Silva Nunes, Professora Auxiliar da Universidade de Aveiro.

 

Forma de publicitação/notificação dos resultados: Os resultados finais da avaliação serão publicitados, através de lista ordenada por nota final obtida, sendo todos os candidatos notificados através de e-mail.

 

Prazo de candidatura e forma de apresentação das candidaturas: O concurso encontra-se aberto no período de 14 a 28 de junho de 2019.

 

As candidaturas devem ser formalizadas, obrigatoriamente, através do envio dos seguintes documentos: • Carta de motivação da candidatura (máximo 1 página A4);

• Formulário de candidatura, disponível no sítio da Área de Recursos Humanos, em https://www.ua.pt/sgrhf/PageText.aspx?id=15032, em Bolseiros/Modelo de Candidatura, com indicação de endereço de correio eletrónico do candidato;

• Fotocópia do Bilhete de Identidade/Cartão de Cidadão;

Curriculum vitae atualizado, datado e assinado pelo candidato;

• Certificados de habilitações (no caso de candidatos não nacionais, a obtenção do grau deve estar de acordo com a Portaria N.º 227/2017 de 25 Julho), com indicação de média final nos graus académicos, de formação complementar e de experiência profissional, e outros documentos comprovativos considerados relevantes.

• Certidão com classificações individuais das unidades curriculares dos graus académicos, cópia da tese de Mestrado, cópias de artigos.

As candidaturas deverão ser enviadas por correio eletrónico para: ltarelho@ua.pt

Legislação e regulamentação aplicável: A bolsa é atribuída ao abrigo da Lei nº40/2004, de 18 de Agosto (Estatuto do Bolseiro de Investigação Científica) na sua atual redação; Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e a Tecnologia, em vigor (https://www.fct.pt/apoios/bolsas/docs/RegulamentoBolsasFCT2018.pdf) e o Regulamento de Bolsas de Investigação Científica da Universidade de Aveiro – Regulamento n.º 341/2011, publicado em Diário da República, 2ª série, n.º 98, de 20 de Maio.

imprimir
tags
outras notícias