conteúdos
links
tags
Investigação
Visita e apresentação de casos de estudo em Espanha e Portugal aos parceiros do consórcio do projeto SIKE – Social Innovation Through Knowledge Exchange
Site visit do Projecto SIKE a Bilbau, Lisboa e Aveiro traz a Portugal especialistas em Inovação Social
Site visit do Projecto SIKE a Bilbau, Lisboa e Aveiro traz a Portugal especialistas em Inovação Social
Decorreram entre os dias 11 e 15 de março as visitas aos parceiros ibéricos do projeto SIKE, onde todo o consórcio teve a oportunidade de conhecer os casos de estudo localizados em Bilbau, Lisboa e Aveiro. Neste mesmo âmbito, a Universidade de Aveiro, em parceira com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, organizou, no dia 13 de Março, um evento em formato de seminário que se realizou em Lisboa, na Casa do Impacto, e contou com a participação de Louise Pullford, da SIX (Social Innovation Exchange).

Iniciando-se oficialmente no dia 11, segunda-feira, com a Site Visit a Bilbau este conjunto de acções arrancou com a apresentação das experiências de Inovação Social no ecossistema basco, contando com a introdução e moderação de Garbiñe Henry e Vanessa Angulo da Universidade Deusto e debate com a contribuição de Josean Rodriguez - Gerente do Fórum de Empreendedores da Adegi, Gotzon Bernaola - Diretor de Inovação Pública da Innobasque, Cristina San Salvador del Valle - Responsável de Impacto Social na Fundação BBK e Jordi Albareda - Diretor e Fundador da Fair Saturday. 

No mesmo dia, da parte da tarde, foram apresentados os caso de estudo MEDEA (Mestrado Duplo Em Empreendedorismo Em Ação) com os seguintes tópicos: O motivo da escolha do MEDEA como principal estudo do País Basco - Roberta Vicente, MEDEA de uma perspetiva académica - Janire Gordon - Facilitador de Aprendizagem Académica, MEDEA da perspetiva das empresas parceiras - Oscar Villanueva - Chefe de Inovação na Petronor Inovação e Facilitador de Aprendizagem da Empresa e MEDEA do ponto de vista de um participante - Ana Victoria Vázquez.

No dia 12, terça-feira, visitou-se o Centro de Treinamento Social Koopera, seguido de uma breve introdução da sua história, estrutura e principais atividades com espaço para perguntas por parte dos parceiros do projeto SIKE. Com o objetivo de conhecer melhor o projeto Koopera e o seu impacto, visitou-se uma loja Koopera em Bilbau reservando-se assim o espaço e tempo para uma melhor compreensão da iniciativa.

Depois de viajarem para Portugal, os parceiros do projeto SIKE tiveram a oportunidade de participar, no dia 13 logo pela manhã, no evento intitulado “The future of Social Innovation - Strengthening the ecosystems through knowledge alliances” que decorreu na Casa do Impacto, na Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Como anfitrião, Gustavo Freitas, deu as boas-vindas a todos os participantes aproveitando para apresentar um pouco do trabalho que esta estrutura da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa desenvolve. Posteriormente, como introdução e enquadramento do projeto SIKE no evento, Rose Cawood, da Glasgow Caledonian University, deu a conhecer a fundamentação e os objetivos do mesmo a todos os participantes dando a conhecer a todos os não integrantes do consórcio o conjunto de actividades que estão a ser desenvolvidas. 

O evento contou depois com a participação, como oradora principal, de Lousie Pullford, da SIX (Social Innovation Exchange) que dissertou sobre o tema «The development of social innovation ecosystems: the next 10 years». Posteriormente a esta apresentação, deu-se início a um debate, sob o tema «How can social innovators and entrepreneurs achieve greater social impact through cross sectoral knowledge exchange? », e que contou com a participação de Inês Sequeira, Diretora Executiva da Casa do Impacto e Diretora de Investimento e Inovação Social - Santa Casa da Misericórdia de Lisboa; Ana Lehmann, professora da Faculdade de Economia e Gestão da Universidade do Porto e Presidente do Comité de Investimento do Fundo de Inovação Social - Portugal Inovação Social; Paulo Soeiro de Carvalho, fundador da "IF Insight & Foresight" e Professor de Prospetiva Estratégica e Inovação na Escola Superior de Economia e Gestão de Lisboa - Universidade de Lisboa; Dmitri Domanski, investigador e professor do Centro de Pesquisa Social da Universidade TU Dortmund e Cofundador da Escola Europeia de Inovação Social; Helena Canhão, Diretora Médica na “Patient Innovation” e Professora da Escola de Medicina NOVA - Universidade NOVA de Lisboa; contando com a moderação de Teresa Franqueira, professora na Universidade de Aveiro e coordenadora da Design Factory do PCI · Creative Science Park 

Após um almoço de networking, assistiu-se às apresentações dos casos de estudo e boas práticas das iniciativas “A Avó Veio Trabalhar”, pela Designer Susana António, e “Refood” por Hunter Halder, respetivos fundadores de cada uma das iniciativas. Nestas duas apresentações ficou-se a conhecer a estrutura do projeto, as origens da ideia, o seu impacto e a rede de stakeholdersenvolvidos. Posteriormente visitou-se o espaço de trabalho da “A Avó Veio Trabalhar”, onde foi possível perceber a organização e dinamismo do trabalho desenvolvido.

Na quinta-feira, dia 14, os parceiros do consórcio do projeto SIKE viajaram desde Lisboa até Aveiro, tendo-se iniciado as atividades nesta cidade na parte da tarde do mesmo. Estas iniciaram-se com a visita ao centro de operações da Refood em Aveiro, contando com a colaboração de Elisa Mendes, uma das responsáveis do funcionamento deste mesmo centro, que fez a apresentação das actividades desenvolvidas, esclareceu dúvidas e acompanhou a equipa na exploração do espaço. A sessão de trabalhos prosseguiu com uma apresentação da IRIS – Incubadora Regional de Inovação Social, já na sala de atos académicos da Universidade de Aveiro. Esta apresentação ficou a cargo de uma das responsáveis do projeto, Liliana Ribeiro, que é, simultaneamente, membro integrante do Comité de Avaliação e Monitorização nacional do projeto SIKE. Ainda na mesma tarde houve a oportunidade para uma visita guiada à Design Factory Aveiro do PCI - Creative Science Park, que ficou a cargo da Professora Teresa Franqueira. Ainda neste local assistiu-se ás apresentações do projeto Fava, outro dos casos de estudo selecionados para monitorização, e a uma conjunto de iniciativas de participação cívica na cidade de Aveiro, que ficou a cargo do Professor José Carlos Mota.

No último dia do programa da Site Visit a Espanha e Portugal, houve ainda uma deslocação até à Lousã para conhecer a incubadora social Microninho. Esta incubadora é uma iniciativa que, no âmbito do projecto SIKE é entendida, por si só, como uma boa prática, mas que, contudo, é ainda responsável por muitos casos interessantes e impactantes ao nível da Inovação Social e que tivemos oportunidade de ficar a conhecer. Tal como no caso da IRIS, também a responsável da Microninho, Liliana Simões, é membro do Comité de Avaliação e Monitorização. 

No geral estas visitas constituíram-se como uma experiência enriquecedora, dando a conhecer o dinamismo e o conjunto de iniciativas do género a acontecer na península ibérica e que o projecto SIKE está a acompanhar atentamente.

Para mais informações sobre o projecto SIKE e as actividades desenvolvidas:

https://sike-eu.org

https://www.facebook.com/EUSike

imprimir
tags
veja também