conteúdos
links
tags
Campus
Edição de 2019 do QS World University Rankings by Subject
UA entre as melhores do mundo em sete áreas científicas
UA, mais uma vez, entre as melhores do mundo
A Universidade de Aveiro (UA) está entre as melhores universidades do mundo em sete áreas científicas. A garantia é dada pela edição de 2019 do QS World University Rankings by Subject, um dos mais conceituados rankings de avaliação do ensino superior a nível internacional. O grande destaque da UA vai para a área dos Materiais onde a academia é a melhor nacional e uma das melhores 200 universidades mundiais.

Na lista das melhores do mundo, o QS sublinha ainda a UA nas áreas da Engenharia Química (entre o lugar 201 e 250), Química (entre o lugar 301 e 350), Engenharia Mecânica (entre o lugar 251 e 300), Engenharia Eletrónica (entre o lugar 351 e 400), Ciências do Ambiente (entre o lugar 251 e 300) e Física/Astronomia (entre o lugar 501 e 550).

“Estes resultados são apenas mais um indicador da enorme qualidade da investigação recentemente realizada na UA, em paridade com o que de melhor se faz a nível mundial”, congratula-se Luís Filipe Castro, Vice-reitor da Academia de Aveiro.

Nesta lista foram realçadas sete áreas científicas, atendendo à metodologia do ranking QS World University Rankings by Subject. “Estamos cientes de termos muitas outras áreas de primeiro nível mundial nas unidades de investigação e desenvolvimento da UA”, aponta Luís Filipe Castro.

Refere o Vice-reitor que “algumas das áreas que se evidenciaram neste ranking da Quacquarelli Symonds, como é o caso dos Materiais, decorrem de grande interdisciplinaridade e interação de investigadores da UA, oriundos de diferentes áreas científicas”. Por isso, “é com entusiasmo que reconhecemos que a inter e transdisciplinaridade se assume cada vez mais como uma marca distintiva da UA”. 

Na edição deste ano do “QS World University Rankings by Subject” foram avaliadas mais de 1200 instituições de todo o mundo em 48 áreas, seguindo uma metodologia que combina a classificação de indicadores como a reputação académica, a reputação entre empregadores e o impacto da investigação. Este ranking é realizado anualmente pela empresa Quacquarelli Symonds.

imprimir
tags
outras notícias