conteúdos
links
tags
Cultura
Mostra patente no átrio da Reitoria da UA, de 25 de setembro a 12 de outubro
Exposição da iniciativa “Uma Faixa, uma Rota”: unir por terra e por mar mais de 100 países de Ásia, África e Europa
Numa iniciativa conjunta da Embaixada da República Popular da China em Portugal e do Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro, a exposição “Uma Faixa, uma Rota”, que já esteve na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, estará agora patente no edifício da Reitoria da Universidade de Aveiro, de 25 de setembro a 12 de outubro. A proposta de criação de uma nova Faixa Económica e de uma Rota marítima, que reativem as antigas Rotas da Seda e liguem a Ásia à Europa e a África, foi apresentada pelo Presidente Chinês, Xi Jinping, num discurso no Cazaquistão, em setembro de 2013. Esta é uma das duas exposições que assinalam o Dia do Internacional dos Institutos Confúcio, a 28 de setembro.

A iniciativa "Uma Faixa, Uma Rota", originada a partir do legado da antiga Rota da Seda, concentra-se em países Asiáticos, Europeus e Africanos, e visa construir uma rede que interligue estes continentes. Mais de 100 países e organizações internacionais têm apoiado e participado, de forma dinâmica, nesta iniciativa.

Baseando-se no princípio de crescimento mútuo através de diálogos e cooperações, a iniciativa "Uma Faixa, Uma Rota" tem como objetivo impulsionar um desenvolvimento conjunto entre os países e regiões ao longo da rota, assim como promover a construção de uma comunidade de interesses e destinos partilhados.

A iniciativa, avaliada em 900 mil milhões de dólares, contempla a construção de uma rede de portos, estradas, caminhos-de-ferro, oleodutos e gasodutos, centrais elétricas e outros projetos de desenvolvimento de infraestruturas entre as regiões, criando assim a zona económica mais extensa do mundo.

Portugal é o ponto de partida da antiga Rota Marítima da Seda na Europa. Atualmente, a iniciativa "Uma Faixa, Uma Rota" tem proporcionado novas oportunidades para a cooperação pragmática entre a China e Portugal em vários domínios. Nesta nova era, as relações China-Portugal ganharão, certamente, um renovado vigor, de modo a permitir que os dois países venham a construir uma plataforma de "cooperações e benefícios mútuos, e de desenvolvimento e prosperidade comuns".

A cerimónia de inauguração da exposição sobre a iniciativa “Uma Faixa, uma Rota” está agendada para 25 de setembro de 2018, às 14h30. São esperados o Embaixador da República Popular da China, Cai Run, e o Reitor da UA, Paulo Jorge Ferreira.

Cerimónia de inauguração da expoisção "Uma Faixa, uma Rota" -  programa

Receção à entrada da Reitoria

14:30: Dança do Dragão, pelo Yin Long Demo Team (equipa de Artes Marciais do Instituto Confúcio da Universidade de Aveiro)

Sala de Atos

14:35 – Abertura da cerimónia

Intervenção do Senhor Reitor da Universidade de Aveiro, Paulo Jorge Ferreira

Intervenção do Senhor Embaixador da República Popular da China, Cai Run

15:05 – Entrega dos prémios do Concurso “Uma Faixa, Uma Rota”, pelo Senhor Embaixador da República Popular da China e pelo Senhor Reitor da Universidade de Aveiro, aos cinco melhores alunos

Átrio da Reitoria

15:20 – Foto de família com todos os convidados

15:30 – Inauguração da Exposição e visita guiada pelo Senhor Embaixador

16:00 – Espumante de honra

16:30 – Encerramento de cerimónia

imprimir
tags
evento relacionado
 
outras notícias