conteúdos
links
tags
Conferências
Dias 7 e 8 de março
Fórum do CISMOB debate Mobilidade
O Projeto INTERREG EUROPE CISMOB - Cooperative information platform for low carbon and sustainable mobility, coordenado pela Universidade de Aveiro, organiza a 3ª Conferência Temática “Intelligent transport systems - from science to policy and from policy to real world”, a decorrer na Universidade de Aveiro a 7 de março, e o 3º Seminário de Capacitação “Promoting soft and connected mobility”, a decorrer no Centro das Artes de Águeda a 8 de março. As inscrições decorrem até 1 de março.

No primeiro dia do Evento CISMOB pretende-se criar um espaço de discussão de políticas e medidas técnicas para melhorar o transporte rodoviário, refletindo sobre todas as vantagens da disponibilização de dados por parte de operadores de transportes públicos. A crescente disponibilidade dos avanços tecnológicos a nível de sensores para monitorizar e armazenar grandes quantidades de dados e o uso das TIC permite que decisores políticos identifiquem boas práticas para priorizar áreas de intervenção, gerir eficientemente as redes rodoviárias, informar os cidadãos e motivá-los a escolher opções de mobilidade mais sustentáveis.

O segundo dia é dedicado à promoção de modos suaves e amigos do ambiente, dando particular atenção ao uso de bicicleta e veículos elétricos.

Destacam-se as presenças do Secretário de Estado e Adjunto do Ambiente, José Gomes Mendes, da presidente da CCDR-Centro, Ana Abrunhosa, do especialista em ITS, Brian Masson, do consultor de mobilidade, Robert Stussi, do investigador do RISE Viktoria Sweden, Daniel Rudmark, e da investigadora do Urban ICT Arena, Petra Dalunde.

O Evento CISMOB tem entrada livre (lugares limitados), no entanto requer inscrição. Todos os detalhes sobre o Evento CISMOB podem ser consultados aqui.

O CISMOB procura melhorar a aplicação das políticas regionais e programas de mobilidade através de um entendimento completo sobre os diferentes impactes relacionados com o transporte e as principais vulnerabilidades associadas a diferentes zonas do território. Tais objetivos alinham-se com a posição de Portugal face a uma resposta às alterações climáticas, nomeadamente em promover o correto planeamento e desenvolvimento de uma sociedade e economia resiliente, competitiva e de baixo carbono.

imprimir
tags
outras notícias