conteúdos
links
tags
Conferências
No âmbito do encontro da ARKWORK
Diretor do Campo Arqueológico de Mértola e Prémio Pessoa 1991 na UA para falar sobre práticas arqueológicas
Cláudio Torres, Diretor do Campo Arqueológico de Mértola e Prémio Pessoa 1991
No dia 6 de outubro, Cláudio Torres, Diretor do Campo Arqueológico de Mértola e Prémio Pessoa 1991, será o key note speaker de um workshop, na Universidade de Aveiro, com o tema “Desenvolvimento de um entendimento comum sobre práticas arqueológicas e trabalho em conhecimento arqueológico” que está a ser organizada por Helena Nobre, docente da UA e delegada nacional do projeto ARKWORK. A iniciativa, a ter lugar no Auditório do Departamento de Comunicação e Arte (DeCA) da UA, entre as 10h30 e as 13h00, é aberta ao público em geral, exigindo apenas uma inscrição prévia.

Este workshop integra o programa de atividades de dois dias (5 e 6 de outubro) do próximo encontro da ARKWORK, uma network financiada pela COST scheme que agrega o trabalho multidisciplinar de investigadores na área da utilização e produção de conhecimento em arqueologia.

Cláudio Torres, Diretor do Campo Arqueológico de Mértola (CAM) e Prémio Pessoa 1991, abordará algumas questões relacionadas com a prática arqueológica, procurando contribuir para o desenvolvimento de um entendimento comum sobre o que são “práticas arqueológicas” e “trabalho em conhecimento arqueológico”, bem como estabelecer as grandes questões na área. O programa incluirá ainda as comunicações de dois investigadores, membros do ARKWORK, em temáticas relacionadas com as práticas e produção de conhecimento em arqueologia.

 

Todos os interessados em participar no workshop devem fazer o seu registo através do formulário disponibilizado para o efeito.

 

A arqueologia está em toda a parte. O conhecimento arqueológico e o conhecimento da arqueologia são relevantes em vários setores da vida humana, desde a investigação académica ao desenvolvimento do território, tanto ao nível do ensino como dos museus ou das comunidades locais. No entanto, o conhecimento atual sobre como os arqueólogos trabalham e como o conhecimento arqueológico é produzido e utilizado continua fragmentado e incompleto.

A COST-ARKWORK é uma network financiada pelo COST scheme que agrega o trabalho multidisciplinar de investigadores na área da utilização e produção de conhecimento em arqueologia. Esta rede de trabalho tem por objetivo impulsionar o desenvolvimento do estado-da-arte sobre como o conhecimento arqueológico é produzido, como é utilizado e como pode ser maximizado o seu efeito positivo na sociedade.

O projeto ARKWORK foca-se, fundamentalmente, em formar a próxima geração de académicos e stakeholders, envolvendo futuros líderes na área da investigação, mas também especialistas com curriculum de destaque   a trabalhar na indústria e organizações públicas, através de eventos e visitas a instituições estrangeiras, como chave da longevidade dos resultados.

O encontro de Aveiro incluirá a participação de investigadores e profissionais internacionais, membros do Comité de Gestão (MC) e dos Grupos de Trabalho (WGs) da ARKWORK network e outros participantes convidados.

Grupos de trabalho (Working Groups)

Working Group 1: Archaeological Fieldwork

Working Group 2: Knowledge production and archaeological collections

Working Group 3: Archaeological knowledge production and global communities

Working group 4: Archaeological scholarship

 

Mais informações acerca desta rede e do projeto podem ser consultadas na página da COST-ARKWORK ou em https://www.arkwork.eu/, ou solicitadas pelo e-mail hnobre2@gmail.com.

imprimir
tags
ficheiros associados
evento relacionado
 
outras notícias