conteúdos
links
tags
Desporto
Treinos na Escola Básica de Santiago
Núcleo de Judo da AAUAv cria duas novas classes
Judo da AAUAv treina na Escola de Santiago
O Núcleo de Judo da Associação Académica da Universidade de Aveiro (AAUAv) criou duas novas classes para responder às necessidades e aos objetivos dos seus atletas. A mudança do Departamento de Educação e Psicologia da Universidade de Aveiro, para o ginásio da Escola Básica de Santiago, trouxe, ao núcleo de Judo da AAUAv, um aumento significativo do seu número de atletas.

Num acordo celebrado entre a Câmara Municipal de Aveiro e a AAUAv, que disponibiliza o ginásio EB de Santiago para a prática do Judo, o Núcleo oferece aos alunos daquele estabelecimento a frequência gratuita dos seus treinos. Com o crescimento do número de praticantes, foi necessário abrir uma nova classe que permitisse um trabalho mais direcionado para os mais pequenos e, assim, foi criado um treino para atletas dos 3 aos 6 anos, sendo que o segundo treino se destina aos atletas com idades compreendidas entre os 7 e os 12 anos.

A inovação, neste tipo de trabalho, acontece na classe de “judo técnico” que terá lugar às terças e quintas, entre as 21h00 e as 22h00. Este treino, que se destina unicamente ao aprimoramento técnico dos atletas da classe dos adultos, servirá para complementar a formação base de cada um, proporcionando a hipótese de uma melhoria técnica, treino sistemático de Katas e uma prática mais suave da modalidade.

António Costa, que lidera a equipa técnica do núcleo universitário, explicava as alterações: “São melhorias importantes para os nossos atletas. Os mais novos foram divididos para que o trabalho seja mais direcionado a cada faixa etária. Com o aumento do número de atletas, o espaço disponível começou a ficar pequeno para tantos praticantes. Assim chegamos a esta solução que vai mais ao encontro da excelência que procuramos”. Já sobre o treino técnico o objetivo é um pouco diferente segundo o treinador: “O treino técnico vai servir para preparar os atletas da classe dos adultos para os exames de graduação, mas acima de tudo para os melhorar tecnicamente. Assim “libertamos” os outros treinos para questões mais de competição. Permite também chegar a um público que, por vezes, não consegue acompanhar um treino mais duro de “pré-competição”, mas que quer manter a boa forma física, estudar a técnica e conhecer o Judo numa outra vertente também muito importante. O horário mais tardio tem como objetivo podermos chegar às pessoas que só a essa hora tem tempo para si. Deixa de haver desculpas para o facto de os horários serem cedo demais, porque tem que cuidar dos filhos, ou porque tem que ir as compras. Agora só não treina quem não quiser”.

Com estas alterações, o Núcleo de Judo da AAUAv procura chegar a mais atletas, mantendo os seus treinos às segundas, quartas e sextas-feiras, com inicio às 18h00, e às terças e quintas feiras, com inicio às 21h00.

“Fica aqui o desafio para nos procurarem e experimentarem fazer Judo connosco. Venham e não se vão arrepender. Os três treinos de experiencia são totalmente gratuitos”, desafiou o treinador dos Universitários.

imprimir
tags
outras notícias