conteúdos
links
tags
Campus
De novo no topo
Estudo do CIPES aponta UA como uma das instituições do país que mais satisfaz os seus alunos
A Universidade de Aveiro está acima da média das universidades portuguesas nos vários indicadores que medem o grau de satisfação dos estudantes do ensino superior. Os resultados de um estudo realizado pelo Centro de Investigação de Políticas do Ensino Superior (CIPES) sobre «O que é importante para a satisfação dos estudantes da Universidade de Aveiro» foram esta Quarta-feira, 22 de Abril, apresentados na UA. No final, a Reitora, Prof. Maria Helena Nazaré, manifestou-se bastante satisfeita com os bons resultados da instituição.

A Avaliação Nacional da Satisfação dos Estudantes do Ensino Superior foi um estudo desenvolvido a nível nacional, entre 2005 e 2008, pelo Centro de Investigação de Políticas do Ensino Superior (CIPES) com o objectivo geral de analisar a satisfação dos estudantes nas instituições de ensino superior portuguesas e fornecer informação capaz de aumentar a educação superior da população.

Na UA foram inquiridos 479 estudantes do 1º e último ano dos seus vários cursos e os resultados colocaram a academia aveirense no topo da satisfação, atingindo valores acima do conjunto das universidades públicas. A qualidade do ensino, a interacção com os docentes, o apoio académico e os bons serviços de alimentação (cantinas e bares) estão entre os aspectos que mais satisfazem os estudantes da UA. Em contrapartida, é a oferta das disciplinas de opção e o acompanhamento académico que menos vai ao encontro das expectativas dos estudantes da Universidade de Aveiro.

A título de exemplo, à questão «Se voltasse atrás, voltaria a candidatar-se à instituição que frequenta?» 87,8% dos alunos da UA responderam que sim, percentagem que sobe para 93% quando a questão diz respeito à recomendação da instituição a outras pessoas. Importa ainda referir que 74% dos alunos da UA estão satisfeitos com o curso e 62% com a empregabilidade.

«São resultados globais muito bons. Comparados com as restantes universidades públicas são mesmo os melhores», salientou o Professor do ISCTE, Rui Brites que, como membro da equipa de investigação e responsável pela metodologia e análise dos resultados, se deslocou a Aveiro para apresentar as conclusões do estudo. O Prof. Rui Brites foi mesmo mais longe e afirmou aos presentes que os resultados, que em termos de satisfação dos estudantes colocam a UA na melhor posição do país, não o surpreendem. «Sempre que converso com antigos alunos da Universidade de Aveiro, o resultado é o mesmo. Até os olhos lhes brilham!».

Satisfeita com os resultados, a Reitora da UA não deixou de salientar a importância dos dados revelados, até porque «nos permitem trabalhar sobre o que está menos bem. Estou contente por saber onde actuar e vou reflectir sobre a importância de relançar a figura dos tutores».

imprimir